Prótese Peniana para Disfunção Erétil

Prótese Peniana para Disfunção Erétil

Solução Satisfatória com  Ajuste do Tamanho do Pênis

 

Nos casos em que o tratamento clínico não funcionou, há indicação de colocação de prótese peniana. O implante da prótese é feito internamente, ou seja, não há nada para ser visto externamente. Além disso – é importante ressaltar – não há alteração da libido, do desejo, da ejaculação e do orgasmo. A função da prótese peniana é apenas provocar rigidez peniana adequada para a da atividade sexual regular, com recuperação do comprimento e espessura do pênis.

 

No momento em que há a indicação do implante de prótese peniana, em muitos casos não é só caso de um simples implante. Por exemplo, nos casos de indicação de implante é muito comum o homem ter apresentado uma perda de tamanho do pênis (e muitos nem percebem esta perda, pela qualidade ruim da ereção). Se realizar apenas o implante, o pênis poderá ficar muito pequeno e o paciente insatisfeito. Nestes casos, é fundamental fazer uma reconstrução peniana para alongar e recuperar o maior tamanho e diâmetro possíveis no mesmo ato cirúrgico do implante de prótese, para a maior satisfação do paciente.

 

Preocupação com o Tamanho do Pênis

Para evitar o que tenho visto no atendimento em meu consultório, no qual chegam muitos pacientes que fizeram o implante sem a devida observação quanto a perda de tamanho, somente fazendo um simples implante, e o pacientes desesperados por ter ficado com um pênis muito pequeno, tenho grande preocupação em recuperar o tamanho e espessura.

Nestes casos, o preconizado é realizar uma reoperação, retirar a prótese, fazer uma reconstrução peniana alongando e recuperando o máximo possível do tamanho  e então implantar outra prótese peniana.

Vamos procurar entender agora os tipos de próteses penianas.

 

Tipos de Próteses Penianas

O implante das prótese penianas é um procedimento cirúrgico seguro e eficiente, com alto índice de satisfação do casal, no qual são colocadas estruturas cilíndricas biocompatíveis no interior dos corpos cavernosos do pênis de forma a proporcionar um estado de rigidez peniana adequado para a atividade sexual.

A escolha do tipo de prótese deve incluir algumas considerações:

Sociais:

– Condição médica

– Estilo de vida

– Preferência pessoal

– Custos

 

Tipos de próteses penianas

– maleáveis (semi-rígidas)

articuláveis

– infláveis de 2 volumes

– infláveis de 3 volumes

As mais utilizadas, contudo,  são duas: as maleáveis(semi-rígidas) e as infláveis com 3 volumes.

 

Maleáveis (semi-rígidas)

 As Próteses Penianas Maleáveis são constituídas por filamentos de uma liga metálica envolvidos por silicone biocompatível, proporcionando rigidez e maleabilidade satisfatórias ao pênis. Assim, que o pênis poderá permanecer para baixo ou para o lado (na posição “normal”) ou ereto na posição para o ato sexual.

Pelo fato de ficarem em estado semi-rígido de forma contínua, existe certa dificuldade em ocultá-la em determinadas ocasiões, como por exemplo, um passeio para banho de mar ou de piscina. É necessário vestir um sunga e colocar um short ou bermuda por cima antes de  entrar no mar ou na piscina.

 

 Infláveis com 3 volumes

As Próteses Penianas Infláveis de 3 Volumes são constituídas por dois cilindros infláveis conectados a um dispositivo (bomba) e a um reservatório. Nesse tipo de prótese, o dispositivo (bomba) poderá ser acomodado em qualquer ponto do saco testicular e os cilindros implantados no interior dos corpos cavernosos do pênis são preenchidos com líquido para produzir a ereção.

Após o ato sexual aperta-se o dispositivo implantado na bolsa esticular e o líquido dos cilindros retorna para o reservatório, resultando em flacidez.

Quando uma ereção é desejada, basta ativar o sistema apertando-se o dispositivo(bomba) implantado no escroto. A prótese nada mais é do que um sistema hidráulico implantado cirurgicamente, não ficando nada aparente.

 


A grande vantagem dessas próteses é a aparência, ficando muito natural aos olhos após o implante, de forma que dificilmente alguém a note. São as que deixam o pênis mais próximo ao natural quando em estado flácido e certamente são as menos perceptíveis de todas as próteses. Proporcionam grande rigidez e alguns modelos permitem um ganho máximo de diâmetro.

 

Como escolher?

Como já foi dito, a escolha do tipo de prótese deve considerar a condição médica, estilo de vida, a preferência pessoal e o custo.

Cada caso deve ser personalizado e após avaliação criteriosa da condição médica do paciente, levando-se em consideração todos os outros fatores para a escolha do tipo de prótese, o paciente e o médico devem definir em conjunto qual o melhor tipo de prótese para o caso.

Muitos pacientes perguntam se a prótese de maior custo seria a melhor. Minha resposta: a satisfação do casal é muito semelhante com o implante tanto da prótese maleável quanto com a prótese inflável. Com a inflável, há a vantagem da discrição para algumas situações e  existe, porém, a desvantagem do custo superior ao da maleável.

Dessa forma, muitos  pacientes com boa condição financeira acabam optando pela prótese maleável por não exigir habilidades manuais para manuseá-la e por considera-la mais prática. Do mesmo modo, não é incomum pacientes fazerem algum esforço para implantar o modelo inflável pela questão da discrição e maior naturalidade.

 

O procedimento

Anestesia geral ou Raqui ou Sedação com local

Cerca de 1,5  de cirurgia

Alta em até  1 dia

Relações sexuais após 3-4 semanas.

 

O procedimento quando há Doenca de Peyronie Associada:

 

 

 

 

 

ABAIXO NOSSOS DIFERENCIAIS

Dr. Cesar Camara, devido à sua formação, especialização e experiência com um grande número de implantes de próteses penianas de todos os tipos (infláveis, maleáveis e articuláveis), tem um conjunto de diferenciais abordando todos os aspectos do implante de prótese peniana.

Diferenciais

Avaliação criteriosa e minuciosa, com avaliação clínica e exames específicos (o que não inclui a Elastografia por falta de evidência científica), para um diagnóstico mais preciso, definição do melhor tratamento e realização do procedimento com a melhor técnica  e todos os cuidados para cada caso;

Vasta experiência em implantar todos os tipos de próteses penianas: maleáveis, articuláveis e infláveis;

Prevenções pré-cirúrgicas para evitar problemas pós-cirúrgicos: Dr. Cesar Camara, referência em implante peniano é muito experiente em também PREVENIR possíveis complicações;

Extremo cuidado no diagnóstico de problemas associados, como perda de tamanho, afinamento, curvatura. Com a Técnica consagradas e reconhecidas mundialmente, o Dr. Cesar faz a reconstrução peniana, corrigindo eventuais deformidades e também alongando e recuperando o maior tamanho e calibre possível do pênis (até o limite do tamanho dos nervos, vasos sanguíneos e uretra) e no mesmo ato cirúrgico já faz o maior implante possível;

Experiência em operar com a maior segurança e alcançar os melhores resultados,: Operar com máxima segurança envolve conhecimentos avançados de segurança e de prevenção, de todas as possíveis complicações(infecções, deiscências, extrusões, ferimentos de pele), da escolha da melhor técnica cirúrgica para cada caso em particular, com escolha do melhor implante e para evitar infecções.

“Em São Paulo, desconheço urologistas que não operem com total segurança, mas em meu consultório, procuro dar atenção especial a esse aspecto. Seguindo absolutamente todos os cuidados e melhores técnicas para cada caso, meu índice de sucesso e satisfação dos pacientes é o preconizado internacionalmente”

 

Técnica para preservar ao máximo a integridade das esponjas dos corpos cavernosos do pênis, visando manter o máximo possível das esponjas funcionantes, provocando o máximo enchimento complementar de sangue mediante estímulo, dando ao pênis um melhor volume e temperatura. 

Cuidado técnico “No Touch” – além de todo o cuidado na higienização e assepsia do pênis e arredores do campo cirúrgico, toma extremo cuidado de não tocar a pele do pênis e arredores que podem conter bactérias, visando minimizar e evitar o risco infeccioso. OBS: até mesmo os procedimentos pré-operatórios, o próprio Dr. Cesar Camara faz questão de realizar pessoalmente, tomando todos os cuidados em cada detalhe do início ao fim;

Cuidado técnico para fazer o implante da prótese com posição adequada e simetria dos cilindros na glande e também para maior estabilidade da glande;

Cuidado técnico da fixação da glande, para maior estabilidade e firmeza;

A definição do tamanho ideal da prótese é um cuidado de fundamental importância, pois não pode ser nem de mais e nem de menos. Se for escolhida uma prótese de menor tamanho que o ideal, o pênis fica menor e a glande (cabeça) do pênis fica caída, mas sem escolher uma prótese de tamanho maior do que o ideal, o poderia forçar a glande, aumentando o risco de extrusão.

 

 

 

 

Leia Mais

Disfunção erétil e impotência. Porque surgiu e como melhorar

8 Causas Reversíveis de Impotência Sexual

Diabetes e Disfunção Erétil. O que está ocorrendo?

2 Responses so far.

  1. janete disse:

    muito bom o seu artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *