Green Light Laser. Tudo sobre o tratamento do Crescimento da Próstata com Laser Verde.

Green Light Laser. Tudo sobre o tratamento do Crescimento da Próstata com Laser Verde.

Em adultos jovens a próstata não tem mais do que 20g, mas seu peso pode paulatinamente aumentar e chegar a valores superiores a 200g ao longo das décadas. Não há um valor que seja correto para o seu tamanho, o que mais importa é se a próstata está causando sintomas ou problemas mais graves que limitem a própria vida ou a sua qualidade.

Dentre as formas de se tratar cirurgicamente o crescimento benigno da próstata, a Ablação com o Laser Verde se destaca por conseguir excelentes resultados e baixa complicação sem a necessidade de interrupção de anticoagulação necessária para pacientes com doenças cardiovasculares.

 

 

O que é o tratamento com Green Light Laser(Laser Verde)?

 

É um tratamento que combina a efetividade da Ressecção Transuretral da próstata clássica com alta performance no controle de complicações e sangramento.

O procedimento utiliza a energia do Laser para remover o tecido prostático aumentado e dispensa o uso de irrigação com substâncias deletérias ao corpo humano quando em grandes quantidades.
Essa associação de fatores permite um procedimento muito preciso e que pode ressecar uma quantidade muito grande de tecido preservando a potência sexual e a continência urinária em uma internação hospitalar menos traumática e mais breve.

 

A eficiência do Green Light Laser (laser Verde) há muitos anos está comprovada e inúmeros estudos já comparam seus resultados ao tratamento clássico com bisturi elétrico. Esses resultados relatam:

 

Resultados similares, especificamente com melhora do jato urinário e com manutenção desses resultados a longo prazo.

 

Menor tempo de sonda vesical no pós-operatório. Com o Laser a sonda pode ser retirada em 12 a 24 horas, ao passo que a RTU com bisturi elétrico pode demandar 48 a 52 horas.

 

A média de tempo de de internação dos pacientes submetidos ao Green Light Laser(Laser Verde) é de 1 dia, ao passo que na RTU com bisturi elétrico, 3 dias.

 

Não há risco significativo de absorção de líquidos utilizados no procedimento, pois utiliza-se soro fisiológico. Na RTU com bisturi elétrico utiliza-se manitol que quando absorvido em grandes quantidades causa sérios problemas. Esse fato é o que limita o tempo de resseção na RTU com bisturi elétrico.

 

Grande controle do sangramento. Os vasos são cauterizados ao mesmo tempo em que o tecido é removido.

 

70% dos pacientes mantém ejaculação normal após o procedimento com Green Light Laser (Laser Verde), ao passo que com a resseção elétrica a ejaculação retrógrada é a norma. Nesse quesito o Laser Verde pede apenas para a embolização das artérias prostáticas.

 

 

Como o procedimento é feito?

 

O procedimento é realizado em ambiente hospitalar sob anestesia e um pequeno aparelho é introduzido através da uretra até a próstata (não há cortes).

Por dentro deste aparelho introduzimos uma fibra que transmitirá a energia do laser até o tecido prostático em excesso que será vaporizado. Como o laser coagula ao mesmo tempo que destrói o tecido, o sangramento é muito discreto.

O tempo da cirurgia depende muito do tamanho da próstata, e pacientes com próstatas muito grandes podem precisar de mais de 2 horas de resseção. O tempo, contudo, em não causará aumento o risco como ocorrem na RTU com bisturi elétrico, pois não se utiliza manitol ou água durante a aplicação do Laser, mas sim soro fisiológico.

Um cateter é inserido até a bexiga para o controle na formação de coágulos e o paciente é então acordado e encaminhado para a sala de recuperação anestésica, onde permanecerá por mais uma hora até retornar ao seu quarto.

Em geral é preciso que o paciente permaneça internado por apenas uma noite, mas cada caso deve ser avaliado individualmente.

 

 

 

O que acontece depois do procedimento?

 

Os sintomas tentem a melhorar rapidamente, com melhora importante do fluxo urinário já nas primeiras 24 horas e os medicamentos utilizados para melhorar a micção podem ser interrompidos.

Pacientes com a bexiga comprometida pelo longo tempo de sofrimento causado pelo crescimento benigno da próstata podem apresentar um longo período de recuperação por conta da dificuldade de contração vesical. Os efeitos deletérios da obstrução, contudo, já estarão removidos para que a plena recuperação ocorra a contento.

Em dois dias é possível retornar às atividades do dia-a-dia, mas atividades mais vigorosas devem esperar 2 semanas.

Após 2 meses realizamos uma nova avaliação prostática com exames de sangue e urina, ultrassom, toque prostático e medida do PSA. Essa nova medida de PSA é muito importante pois será por ela que nos basearemos no seguimento anual a partir de agora.

 

 

Eu sou candidato ao Green Light Laser(Laser Verde)?

 

Somente um urologista competente e dedicado poderá definir após uma avaliação que leve em conta os desejos do paciente.

 

 


 

Leia também

 

Embolização da Próstata, o tratamento sem cortes e sem internação para a HPB

Guia completo sobre o câncer de próstata recém diagnosticado

Perdas urinárias em homens, o que você precisa saber para vencer a incontinência

Biópsia de próstata. Por que fazer, como é realizada e seu resultado

Prótese Peniana para Disfunção Erétil

Mais informações

 

 www.nlm.nih.gov/medlineplus/ency/article/000381.htm

Urology Care Foundation

One Response so far.

  1. Informarmacoes importantes sobre os novos tratamentod6 da Próstata onde eu desconhecia estas novas técnicas para HPB. Tenho a próstata aumentada e faço acompanhamento há anos…tenho muito receio de ter que fazer uma cirurgia ou ter este quadro agravado por conta da idade que vai avançando.
    Assim como eu tenho vários amigos com a mesma situação, porém nem todos se cuidar ou estão atentos a está oportunidade de informação.
    Parabéns pelas informações e orientações.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *