Tratamento do Crescimento da Próstata com Medicamentos Comerciais e Naturais.

Tratamento do Crescimento da Próstata com Medicamentos Comerciais e Naturais.

O tratamento do crescimento benigno da próstata (HPB) depende de como os sintomas miccionais estão afetando a qualidade de vida. Em muitos casos, quando os sintomas não são intensos, é possível apenas acompanhar os pacientes sem que o uso de medicamentos ou de tratamentos operatórios sejam necessários.

Em outras situações descobrem-se alterações que obrigatoriamente demandam alguma intervenção, mesmo que os sintomas não sejam importantes, como a presença de resíduo urinário elevado, formação de divertículos ou suspeita de alteração na função renal.

Assim, no caso de situações obrigatórias ou no caso de piora da qualidade de vida alguma forma de tratamento deve ser iniciada. Como a cirurgia é sempre a última alternativa, o tratamento com medicamentos e orientações para mudanças no estilo de vida devem ser instituídas.

 

 

Mudanças no Estilo de Vida

 

Algumas mudanças no estilo de vida podem ser sufientes para a melhora da qualidade de vida. Entre as recomendações pode-se citar:

 

Limitar a ingesta HÍDRICA após as 20h00

Não beba qualquer tipo de líquidos pelo menos duas horas antes de dormir para levantar-se menos durante a madrugada para urinar.

 

Evitar Café e Bebidas Alcoólicas

Essas bebidas podem irritar a bexiga e piorar os sintomas miccionais.

 

Limitar o uso de descongestionantes nasais

Esses mediamentos endurecem os músculos do esfíncter urinário e podem dificultar, assim, as micções.

 

Não segurar demais a urina

Segurar demais a urina na bexiga pode causar super-distensão da musculatura vesical e provocar danos irreversíveis a longo prazo.

 

Siga uma dieta balanceada

A obesidade está associada ao crescimento prostático

 

Mantenha-se aquecido

Temperaturas frias demais podem causar retenção urinárias e urgência para urinar.

 

Permaneça ativo

A inatividade contribui para a retenção urinária. Mesmo uma pequena quantidade de exercícios físicos podem ajudar a melhorar os sintomas prostáticos.

 

 

Medicamentos para os sintomas da próstata

 

 

Alfa bloqueadores

 

Esses medicamentos relaxam a musculatura na saída da bexiga e as fibras musculares da próstata, tornando a micção muito mais fácil. Eles agem rapidamente em homens com sintomas leves ou moderados. Podem causar tontura no início do tratamento e, algumas vezes, uma condição chamada ejaculação retrógrada. Os medicamentos mais conhecidos são o Carduran (doxazosina), o Secotex (tansulosina) e o Xatral (alfuzosina)

 

 

Inibidores da 5 alfa-redutase

 

O medicamento mais conhecido dessa classe é a Finasterida, mas há também a Dutasterida. Essas medicações podem melhorar os sintomas pela redução do tamanho da próstata, o que leva até 6 meses para ser relevante. Podem causar ejaculação retrógrada, diminuição da libido e alteram artificialmente os níveis de PSA.

Esses medicamentos podem ser associados aos Alfa Bloqueadores para casos específicos.

Alguns serviços públicos (como o Inglês), recomenda, o uso de preservativos quando se utiliza tais medicamentos, pois eles podem provocar mudanças no espermatozoides que supostamente causam mal formações no feto.

 

 

Cialis (Tadalafila)

 

Alguns estudos sugerem que esta medicação, frequentemente utilizada para tratar disfunção erétil, pode ter algum papel no tratamento dos sintomas do crescimento prostático. Ainda precisamos de estudos que comprovem sua utilidade.

 

 

Tratamento Natural dos Sintomas de Crescimento Benigno da Próstata

 

A medicina Ayurveda descreve duas condições conhecidas como Mootrakruchra e Mootraaghaata, as quais coincidem com os sintomas de prostatismo. Mootrakruchra ou estranguria é caracterizada por dor ao urinar e Mootraaghaata, refere-se à retenção completa de urina com impossibilidade de urinar ou à presença de fluxo urinário intermitente durante a micção. Nesse sentido muito medicamentos naturais tem sido utilizados para aliviar os sintomas urinários,como o Tribulus Terrestris entre muitos outros.

Nos Estados Unidos nem uma forma de medicamento natural está aprovado para o tratamento desses condições, pois os estudos disponíveis que se endereçam à sua segurança e eficácia são considerados muito heterogêneos. Um estudo revelou que o Saw Palmeto era tão efetivo quanto a Finasterina na melhora dos sintomas miccionais mesmo sem reduzir o tamanho da próstata. Posteriomente, contudo, um estudo mais consistente e poderoso, revelou que não há evidências de que o Saw Palmeto é melhor do que o placebo.

Outros tratamento com ervas, incluindo-se extratos de beta-sitosterol, Pygeum e Lolium, tem se mostrado úteis no tratamento dos sintomas miccionais causado pelo crescimento da próstata, mas sua segurança e eficácia ainda precisam ser determinadas.

 

Lolium Perene

Lolium Perene

 

 

Leia Mais

www.drugs.com

www.nhs.uk

Green Light Laser. Tudo sobre o tratamento do crescimento da próstata com o Laser Verde

Perdas urinárias em homens, o que você precisa saber para vencer a incontinência

Biópsia de próstata. Por que fazer, como é realizada e seu resultado

Embolização da Próstata. O tratamento sem cortes e sem internação para a HPB.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *